4.6.10

Gente Boa, Gente Nossa

Lendo as colunas hoje (pois é, trabalhando em meio ao feriadón)... Eu me deparei com pequenos fatos interessantes do cotidiano. Eu me amarro nas peculiaridades que a coluna Gente Boa, de Joaquim Ferreira dos Santos, nos brinda vez ou outra. Separei três tópicos avulsos para repartir com vocês... 




  • De Pedro Bial preparando-se para mediar painel sobre a dificuldade de se executar as ideias: “somos divididos entre desejos e negociações com o mundo. Parece fácil, mas não é simples reconhecermos que não temos a resposta para tudo o que pensamos ter”.

  • ‘Cidadões’? Sim! - Do professor Eraldo Maia, da Faculdade da Região dos Lagos, Cabo Frio, justificando o “cidadões” que Gente Boa ouviu de Lula: “Não existe fala errada. Há, sim, variedades dialetais e de registro, mas nenhum falante fala errado. A forma ‘cidadões’ resulta da analogia com o plural em ‘ões’, o mais comum nas palavras terminadas em ‘ão’. O plural de verão seria ‘verãos’, mas o ‘verões’ foi legitimado, o que não aconteceu com ‘cidadões’, embora seja assim que até o presidente fale”.


  • Do estilista mineiro Ronaldo Fraga: “Qualquer coisa que entra em novela e vira coqueluche me cansa. Saber qual o cumprimento da saia para vender não me interessa, acho triste os conceitos estarem cada vez menos valorizados, em desfiles que podem ser de qualquer um. Gosta é da pesquisa que transforma aquilo em produto. Tenho pavor dessa tal de ankle boot (a botinha de tornozelo que é hit nos pés das descoladas). Ela é o inferno na torre, corta a perna, graficamente não ajuda a mulher. A moda modinha me cansa”.

3 comentários:

Boas novas disse...

É por essas e muitas outras que eu adoro Ronaldo Fraga!
Tô com ele!
Essa moda que todo mundo usa, sem questionar, me deixa exausta!

C. Marshall disse...

Negociações, cidadões, modões...rsrs. Já dizia o velho filósofo que eu não lembro o nome: "Less is more..."

Bibi disse...

K: hahahahaha Ronaldo Fraga, vc já tinha me faldo nele!

C: Marshall? Demorei tempo para pescar quem era! hahahaha Funny boy!